Cai número de famílias endividadas em Mato Grosso, diz pesquisa

Em 2017, o número de famílias endividadas caiu para 107,164 mil. Empregos temporários foi um dos fatores que contribuíram para a queda.

Uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional do Comércio (CNC) revela que as famílias têm comprometido menos de 30% da renda com dívidas, em Mato Grosso. Os consumidores também estão parcelando as compras em menos vezes para evitar dívidas a longo prazo.

Em dezembro de 2016, o estado tinha mais de 132,662 mil famílias endividadas e, em 2017, esse número caiu para 107,164 mil.

A criação de empregos temporários e o pagamento do 13º salário nos últimos três meses estão entre os fatores que contribuíram para essa queda.

De acordo com o economista Oscemário Daltro, apesar dos produtos apresentarem grandes descontos, os clientes estão mais contidos ao fazer compras e preferem parcelar em menos vezes.

"Essas dívidas estão sendo pagas ao longo do tempo e isso é satisfatório para a economia", disse.

Ele explicou que a capacidade de realizar o pagamento dessas dívidas aquece a economia e gera a criação de novos empregos.

"Essa capacidade de pagamento aquece a economia e também ajuda na geração de novos empregos", contou.

12/01/2018 | G1 MT